Minhas Compras
Você adicionou a sua lista de compras. O que deseja fazer agora?
Continuar Comprando! Fechar Compra!
X

Fale Conosco:

Aguarde, enviando contato!

Artigos

Como empreender na crise?
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Como empreender na crise?

3 passitos

Olá, tudo bem?

Aqui é a Suellen Borelli, educadora na Borelli Academy. E o tema deste blog é: COMO EMPREENDER NA CRISE?

Bom, primeiro que EMPREENDER sempre te levará para uma crise. Começar um negócio tem seus altos e baixos. Tanto financeiros quanto emocionais.

Então foque apenas em como começar a empreender, independente do cenário que o país está. Pois não importa o externo e sim o interno. 

Para que você entenda o complexo mundo do empreendedorismo, vamos fazer uma analogia com COZINHAR ok?

 

Imagine que você vai fazer um BOLO. Então você vai precisar de:

1 -  Definir que bolo você vai fazer (produto ou serviço vai vender).

2 -  Ingredientes (sim, um negócio tem diversos itens).

3 - Cozinhar (precisa de habilidades para fazer acontecer).

 

Definir que bolo você vai fazer (produto ou serviço vai vender)

Como empreender na crise?

Empresas existem, porque existem pessoas. E as pessoas têm necessidades:

Comer

Beber

Dormir

Entre outras.

Imagine que você vai pedir alguém em casamento (cliente), e você vai mostrar a jóia para essa pessoa. Será que apenas pedir, vai fazer com que a pessoa se case com você? Então para você PEDIR O MERCADO em "casamento" você precisa ter uma PROPOSTA DE VALOR (o que você vende?).

Este é o primeiro ponto que você deve definir.

 

Ideias

Você pode ser representante de algum produto/serviço (aqui é mais rápido).

Você pode criar o seu produto/serviço (aqui o processo pode ser mais lento).

 

Ingredientes (sim, um negócio tem diversos itens)

Como empreender na crise?

Com a proposta de valor definida, você deve conhecer tudo o que um corpo empresarial compõe. Olhe para o seu corpo. Você tem um coração, um fígado, dois rins, dois pulmões, uma boca, ou seja, o seu sistema possue um número x de itens. Alguns itens são individuais, outros precisam ter pares (como os rins), um negócio também possui seus itens, e todos precisam funcionar.

O que compõe um negócio?

Olha, aqui a conversa começa a ficar mais séria. São ao todo aproximadamente 60 itens. Você pode saber sobre todos eles e conhecer a função de cada um no programa EMPREENDER 360º, porém, vou te adiantar alguns dos itens:

Nome (qual o nome da sua empresa?).

Logomarca (o rosto do seu negócio).

CNPJ (o filho nasceu? Registre) - Embora indicamos começar sem CNPJ e só abrir depois de 3 meses.

Preço (definir o preço do seu produto/serviço).

Gestão Interna (dentro de gestão interna existem vários elementos, ex.: apresentação empresarial - a gestão interna é como o sangue que flui em um corpo).

Marketing (quais os canais de venda que a sua empresa vai utilizar?).

Poder pessoal (fé, persistência, resiliência, sim, elementos pessoais são os maiores ingredientes de um negócio).

Entre outros...

 

Cozinhar (precisa de habilidades para fazer acontecer)

Como empreender na crise?

Ter, ter, ter...

Muitas pessoas não começam um negócio porque não possuem HABILIDADES DE AÇÃO (pronto falei). Um negócio nem sempre precisa de dinheiro inicialmente, vai depender muito do tipo de negócio que você quer começar. Varia muito. Porém, não é apenas o dinheiro que faz um negócio acontecer. Dinheiro é ferramenta, assim como uma logomarca. Porém, é preciso aprender a usar as ferramentas. Talvez esse seja o maior problema de quem QUER FAZER e NÃO FAZ - APRENDER A FAZER. Nada nasce pronto, é preciso preparar o terreno, entender e selecionar as sementes, semear, cuidar, orar e colher. Ufa! 

 

Das DUAS, UMA.

1 - Ou você aprende a fazer o que precisa ser feito, ou...

2 - Paga para alguém fazer (tenha caixa).

 

Por isso que o PRIMEIRO PASSO é conhecer e entender o CONTEXTO (corpo empresarial) de um negócio. Entender tudo o que o compõe, fazer o que precisa ser feito, e se estiver acessível  ir melhorando o que ainda é fraco no negócio e terceirizar o que precisar (sem tempo para aprender e precisa do item).

 

Um EMPRESÁRIO não tem que SABER TUDO,

mas tem que CONHECER TUDO.

Saber (executa/mão na massa) e conhecer (tem informação sobre aquilo o suficiente para entender o funcionamento) tem muita diferença. 

Para resolver esse aprendizado sobre negócios nós temos o PROGRAMA EMPREENDER 360º que contém todos os itens que um negócio deve ter e você passa a entender cada um deles. E assim tomar melhores decisões.

 

Você ainda assim não sabe por onde começar?

Talvez seja o caso de você ser ouvido. Pois algumas pessoas ficam com tantas informações na mente que não conseguem mais absorver novas informações. Por isso se você quiser, pode nos enviar um e-mail falando sobre a sua angustia, o que tem dúvida, enfim, qualquer coisa. Mas coloque no título do e-mail o seguinte: DÚVIDAS SOBRE EMPREENDEDORISMO, assim identificamos rapidamente o e-mail e saberemos que você leu essa matéria ok.

E-mail: contato@borelliconsultoria.com.br

 

 

Não é difícil empreender, é trabalhoso. A destruição, a inércia é fácil, mas construir demanda energia. Se você terá SUCESSO ou não, também vai depender de vários fatores. E só existe um jeito de saber: COMEÇAR E VER NO QUE DÁ.

Bora lá?!Como empreender na crise?

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Olá, deixe seu comentário para Como empreender na crise?

Enviando Comentário Fechar :/